Grande Abertura:
Andrea Chénier

Ópera em Quatro Actos de Umberto Giordano

29/9, 1/10|Sexta-feira, Domingo|20:00     Centro Cultural de Macau - Grande Auditório    

Um brilhante verso improvisado pelo poeta patriótico Chénier acende a chama do amor em Maddalena, a bela filha da Condessa de Coigny. No entanto, os tempos tumultuosos da Revolução Francesa colocam o casal apaixonado à prova, quando o poeta revolucionário foge dos ferozes procuradores e os aristocratas estão a ser perseguidos. Será que o seu amor sobreviverá a esta era de tumultos e delírios sem precedentes?

Uma obra-prima do compositor italiano Umberto Giordano, Andrea Chénier é uma apaixonada história de amor, convicção e sacrifício, escrita em estilo verismo ou “realismo”, o estilo artístico dominante das óperas italianas da época. Repleta de música dramática, emoção extrema e árias virtuosas e com a Revolução Francesa como pano de fundo, Andrea Chénier é um dos pináculos da ópera de época da história. O Festival Internacional de Música de Macau comemora este ano o 150.º aniversário do nascimento de Giordano, apresentando esta ópera épica que celebra a beleza da vida, numa produção do prestigiado Teatro Regio Torino.

Encenador: Lamberto Puggelli
Encenador da Recriação: Vittorio Borelli
Maestro: Marco Guidarini
Cenografia: Paolo Bregni
Guarda-roupa: Luisa Spinatelli
Desenho de Iluminação: Bruno Ciulli
Desenho de Iluminação da Recriação: Vlady Spigarolo
Orquestra de Macau
Coro Lírico Siciliano
Produção: Teatro Regio Torino
Personagens e Elenco
Andrea Chénier: Carlo Ventre,Tenor
Carlo Gérard: Roberto Frontali, Barítono
Maddalena de Coigny: Csilla Boross, Soprano
Bersi: Giovanna Lanza, Meio-soprano
Condessa de Coigny / Madelon: Alessandra Palomba, Meio-soprano
Incredibile / Abade: Giorgio Trucco, Tenor
Pietro Fléville / Fouquier-Tinville: Graziano Dallavalle, Baixo-barítono
Roucher: Luca dall’Amico, Baixo
Mathieu: Italo Proferisce, Barítono
Schmidt / Dumas: Šimon Svitok, Barítono

Duração: aproximadamente 2 horas e 45 minutos, incluindo dois intervalos
Interpretado em italiano com legendas em chinês, português e inglês