節目內容
Brilho Deslumbrante
Orquestra Chinesa de Taipé
19/10
Domingo
20:00
Centro Cultural de Macau - Grande Auditório

BILHETES:
MOP 200, 150, 80

Maestro: Chung Yiu-Kwong
Hu Ching-Yun, Piano
Yan Jiemin, Erhu e Gaohu
Lai Yi-Chun, Dizi
Chu Le-Ning, Sheng

PROGRAMA
Wang I-Yu: Monga – Benção de Avalokite
Chung Yiu-Kwong: “Música para Cabaça” para Sheng e Orquestra Chinesa
Fazil Say/ Arr. Chan Ming-Chi: Concerto para Piano e Orquestra N.º 3, op. 11 “Silêncio da Anatólia”
François Borne/ Arr. Chung Yiu-Kwong: “Fantasia Carmen” para Flauta de Bambu e Orquestra Chinesa
Chen Gang, He Zhanhao/ Arr. Chung Yiu-Kwong:Concerto para Erhu “Os Amantes Borboleta”
Chen Shu-Si: O Desfile dos Deuses

Fundada em 1979 e actualmente liderada pelo famoso compositor Chung Yiu-Kwong, a Orquestra Chinesa de Taipé (OCT), a primeira orquestra chinesa profissional em Taiwan, tornou-se já num agrupamento de renome internacional. Ao longo dos últimos 35 anos, a OCT tem procurado apresentar e desenvolver música tradicional chinesa excepcional através de uma programação inovadora e ousada, alargando assim a definição daquela, demonstrando um estilo e excelência artística notáveis e dando, assim, origem a uma nova era na música chinesa. O seu repertório actual engloba não só música local como ainda integra elementos e estilos inovadores e cativantes da Turquia, do Ocidente, do Médio Oriente, de Xinjiang, etc. O agrupamento reformulou igualmente a composição das antigas orquestras chinesas, incorporando novos instrumentos de modo a enriquecer a sua sonoridade.

Em anos recentes, a OCT gravou quatro álbuns em cooperação com a editora discográfica Swedish BIS Records, os quais foram alvo do reconhecimento da imprensa internacional. O álbum “Ecstatic Drumbeat”, em particular, recebeu o prémio para o “Melhor Compositor” na 24.a edição dos Golden Melody Awards de Taiwan. A Orquestra já se apresentou em mais de 20 países da Europa, Américas e Ásia e o seu lema “Deixamo-lo ouvir o mundo” realça a sua cooperação com músicos internacionais. Brilho Deslumbrante, um concerto a não perder pelos apreciadores de música chinesa!

“A Orquestra Chinesa de Taipé articula com uma elegância balética um extraordinariamente delicado tom de cordas projectado com um requinte determinado.” – Philip Clark, Gramophone

Duração: aproximadamente 1 hora e 40 minutos, incluindo um intervalo