Roberto Zucco[Actuação adicional]

Associação Teatro de Sonho

Teatro

Tempo

15-17/5|Sexta-feira a Domingo |20:00(15-17/5); 15:00(17/5)

localização

Edifício do Antigo Tribunal, 2.° andar

Tarifa

MOP 150,

A história dos assassinatos e da fuga de um assassino em série sem motive

Co-produção: Dream Theatre e Théâtre de Ajmer
Dramaturgo: Bernard-Marie Koltès
Encenador: Franck Dimech
Tradução para Chinês: Chou Jung Shih
Tradução para Cantonense: Jason Mok e Ben Ieong
Design de Luzes: Tou Kuok Hong
Design de Guarda-roupa: Frédéric Forest
Intérpretes: Kate Leong, Hui Koc Kun, Ben Ieong, Jason Mok, Carmen Kong, Joanna Chan, Lai Wen Chun, Li Wen Hao, Mok Kuan Chong e Lao Nga Man

A peça macabra Roberto Zucco baseia-se na história (verídica) de um jovem que apunhalou e assassinou ambos os pais. Famoso pela forma pela qual mudou a sua imagem e encarnou novas identidades, Succo conseguiu escapar à justiça e às forças policiais em três países durante mais de dez anos, raptando, aterrorizando e sequestrando à medida que ia passando de um país para outro. Quando foi finalmente detido, foi julgado e considerado doente mental, sendo enviado para um hospital psiquiátrico, onde cumpriu cinco anos de uma pena de dez anos, antes de fugir e de cometer uma série de crimes que vão do assassínio ao estupro e ao roubo. Foi eventualmente detido e cometeu suicídio na sua cela em 1988. A peça aprofunda o mistério por trás da máscara, atribuindo-lhe um estatuto quase­religioso – de um anti-herói.

Escrita pelo conhecido dramaturgo francês Bernard-Marie Koltès, Roberto Zucco foi reconhecida como uma das suas obras principais, possuidora de uma forte ironia e tensão dramática. Através do massacre, que espelha os problemas ocultos da sociedade moderna, o dramaturgo critica a moral e os valores modernos transmitindo a sua filosofia e princípios morais próprios que vão contra todas as outras ideologias.

Através da exploração de novas representações teatrais e da criação de plataformas diversas e de oportunidades de aprendizagem para jovens entusiastas e artistas locais, a Associação Teatro de Sonho tem adoptado abordagens diferentes no que respeita à promoção e ao apoio do desenvolvimento da arte teatral em Macau.

.É favor consultar o Guia do Programa de Extensão do FAM: Conversas Pós-espectáculo
Representada em cantonense, sem legendagem
Interdito a menores de 16 anos (contém violência).
Duracao: aproximadamente 2 horas e 15 minutos, sem intervalo